Entre em contato 99386-9615
Avançado
Procurar
  1. Home
  2. Dia Internacional da Mulher: importante prestar atenção na saúde
Dia Internacional da Mulher: importante prestar atenção na saúde

Dia Internacional da Mulher: importante prestar atenção na saúde

  • 6 de March de 2020
  • 0 Likes
  • 32 Views
  • 0 Comentários


No Dia Internacional da Mulher, comemorado no próximo domingo 8 de março, além dos debates acerca de questões sociais e profissionais, é importante prestar atenção na saúde. Algumas doenças possuem incidência expressivamente maior em mulheres, causando milhares de casos de infertilidade, depressão e morte todos os anos. 

Conheça algumas e previna!

Cuide-se e previna doenças HIV/AIDS

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), essa é a principal causa de morte de mulheres entre 15 e 49 anos de idade. Principalmente em países em desenvolvimento com alto índice de pobreza, a violência sexual e a educação precária sobre métodos de proteção contribuem para o número de casos. O principal método de prevenção da AIDS é usar camisinha em todas as relações sexuais. No caso dos pais, é importante conversar sobre a vida sexual dos filhos e ensinar a se protegerem.

Câncer de mama

Somente no Brasil, mais de dois milhões de casos aparecem a cada ano e 29% de todos os novos casos de câncer são nas células da mama. Histórico familiar da mulher, obesidade, consumo excessivo de bebidas alcoólicas e uso de contraceptivos hormonais são alguns dos agravantes que contribuem ao surgimento da doença. Além do auto-exame, é importante consultar um médico regularmente, pois o câncer de mama possui tratamento, inclusive oferecido pelo Sistema Público de Saúde (SUS). Previna-se: o diagnóstico precoce é imprescindível.

AVC

É a maior causa da morte de mulheres com idade acima dos 60 anos, segundo a OMS. O acidente vascular cerebral é uma doença comum, com mais de 150 mil casos por ano no Brasil, e não tem cura. O diagnóstico, quando não tardio, evita maiores danos cerebrais – que incluem dificuldade de fala, diminuição da visão e alterações motoras. Evitar estresse excessivo e contínuo, assim como alimentação equilibrada e exercícios físicos, são algumas ações preventivas. Se o aparecimento de qualquer sintoma for percebido, tais como dificuldade de fala, insensibilidade ou paralisia em partes do corpo e alteração do nível de consciência, deve-se procurar ajuda médica o mais rápido possível.

Fibromialgia

Muito comum no Brasil, atinge, também, mais de dois milhões de pessoas todos os anos, sendo que 7 a cada 10 casos são de mulheres entre os 20 e os 50 anos de idade. Trata-se de intensa dor no corpo, que ocorre geralmente na região dos ombros, coluna vertebral, próximo da bacia e dos glúteos e aos lados dos cotovelos. Não se sabe ainda o que causa as dores, que podem mudar de local e durar anos ou a vida inteira. É comumente confundida com outras complicações, o que dificulta o tratamento. A doença não tem cura, mas pode ser tratada com medicamentos e psicoterapia. O estresse é um agravante, previna-se.

Dados Importantes

Ano após ano, o dia 8 de março chega com flores, chocolates e mensagens relacionadas à beleza e delicadeza da mulher. São clichês de uma sociedade machista como a brasileira em que se registra um caso de agressão a mulher a cada 4 minutos no País e em que mulheres ganham, em média, 20,5% menos que os homens. Os dados são respectivamente do Ministério da Saúde e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O Brasil ocupa o 92º lugar no Índice Global de Desigualdade de Gênero, do Fórum Econômico Mundial. O índice aponta as principais diferenças entre homens e mulheres de 153 países, considerando como critérios participação econômica e oportunidades no mercado de trabalho, acesso à educação, saúde e participação política. 

Os indicadores que levaram a essa posição ocupada pelo Brasil são participação e oportunidade econômicas. O Brasil, que precisaria de quase seis décadas para acabar com sua diferença, está atrás de 16 países africanos como Namíbia, África do Sul, Lesoto e Moçambique. Considerando a América Latina, o País figura entre os quatro últimos países, em posição melhor apenas de Paraguai, Belize e Guatemala. Nicarágua, Costa Rica, Trinidade e Tobago, Uruguai e Cuba estão entre os mais bem colocados. 

Onde buscar tratamento em Manaus:

A população conta agora com o ipok, um aplicativo inovador de Saúde, cujo objetivo é facilitar o dia a dia de usuários que precisam agendar uma consulta médica de forma prática, ágil e segura. Além, de avaliar o atendimento de um profissional de saúde, efetuar buscas por profissionais especializados é possível acompanhar notícias atualizadas da área de saúde. No app você pode agendar consultas com ginecologistas em Manaus, entre outras especialidades. 

Atenção: A informação descrita acima, serve apenas como apoio e não, substitui em hipótese alguma, a consulta médica com um profissional especializado. Para um diagnóstico preciso, procure uma avaliação médica de sua preferência ou em alguma unidade de saúde pública mais próxima da sua região.

FONTE: Ministério da Saúde, Portal Terra, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

  • Compartilhar:

Deixe o seu comentário

WeCreativez WhatsApp Support
Agende aqui seu exame ou consulta!
👋Olá, como podemos ajudar?