Notícias Urologista ipok-interna

Urologista em Manaus esclarece dúvidas sobre o câncer de próstata

No Brasil esse tipo de câncer é o segundo que mais afeta a saúde dos homens, ficando atrás somente do câncer de pele.

O câncer de próstata é o tumor que afeta a próstata, uma glândula localizada abaixo da bexiga. Apesar de ser uma doença comum, o assunto ainda é considerado um tabu entre os homens. 

A doença é considerada um câncer de terceira idade já que a maioria dos casos acontecem a partir dos 65 anos de idade. Para o urologista, Dr. Cristiano Paiva, em sua maioria, esse tipo de doença não costuma dar sinais ao longo da vida e nem ameaçar a saúde do homem. 

“O câncer de próstata é muito traiçoeiro porque no início ele não apresenta sintomas e isso de uma certa forma deixa o paciente tranquilo,  o que muitas vezes retarda a procura pelo urologista. Em alguns casos quando chega ao urologista já chega com um estágio avançado e muitas vezes a doença já teve sua metástase e a gente não consegue curar”, esclarece o especialista.

Se não houver o acompanhamento adequado por parte de um urologista, alguns casos podem evoluir rapidamente, comprometer outros órgãos (metástase) e com isso levando muitos homens a óbito. 

Mas afinal, o que é a próstata?

A próstata é uma glândula que somente as pessoas do sexo masculino apresentam, essa glândula nos homens mais novos têm o tamanho de uma ameixa, mas com o passar da idade pode aumentar de tamanho. A função da próstata não é a ereção e nem o orgasmo, e sim, a produção de um líquido que compõe parte do sêmen que protege e nutre os espermatozóides.

“A próstata faz parte do sistema reprodutor masculino e antes dos 40 anos ela tem a função reprodutora. Então a próstata ela produz um líquido chamado líquido prostático, a função desse líquido é nutrir e preservar os espermatozóides e protegê-lo do ph da vagina que é extremamente ácido. Ele cria um envoltório em volta desse espermatozóide, prolonga o tempo de vida do espermatozóide e faz com que ele chegue até o óvulo e faça a fecundação”, cita o médico.  

A próstata está localizada entre a bexiga e a pélvis do homem, estando à frente do reto, que é a porção final do intestino, por isso é possível analisar a próstata através do exame de toque retal. 

Quais são as formas de prevenir o câncer de próstata?

As causas do câncer de próstata não são conhecidas, portanto não são exatas. O Dr. Cristiano paiva cita que alguns fatores de risco como a idade, peso ou histórico familiar podem ser controlados, mas existem algumas medidas que podem ser evitadas para reduzir o risco de ter a doença.

“Alguns indivíduos têm uma alteração genética de caráter familiar que é transmitido de pai para filho e assim por diante. Os fatores ambientais são extremamente importantes, um dos exemplos são as dietas inadequadas principalmente rica em açúcar, rica em gorduras e carne vermelha. Os pacientes que são obesos também têm mais chance de ter câncer de próstata, assim como os indivíduos que são sedentários”, pontua. 

Já está mais que comprovado que ter uma alimentação saudável com uma dieta balanceada rica em frutas, verduras, legumes, grãos e cereais integrais, e com menos gordura, principalmente as de origem animal, ajuda a diminuir o risco de câncer, como também de outras doenças crônicas.

Nesse sentido, outros hábitos saudáveis também são recomendados, como  ser fisicamente ativo ao fazer no mínimo, 30 minutos diários de atividade física, manter um peso ideal é essencial para o equilíbrio da saúde do corpo.

Evitar o consumo de bebidas alcoólicas e o uso de cigarros também são medidas importantes para eliminar qualquer risco de ter o câncer de próstata, além das outras doenças que essas substâncias podem ocasionar.

Alguns medicamentos e suplementos estão sendo estudados clinicamente para que possam ajudar a reduzir os riscos de câncer de próstata. 

O urologista Dr. Cristiano esclarece que toda e qualquer orientação sobre os cuidados e prevenção ao câncer de próstata devem ser consultas e orientadas por um especialista.

“Não existe nenhuma medicação que vai impedir o surgimento do câncer de próstata ou substituir a consulta médica, mas alguma medidas podem ser feitas como a dieta saudável com baixo teor de açúcar, baixo teor de gordura, evitar a sobrecarga de proteína animal, suplementar os níveis de vitamina D que hoje é dosada nos exames preventivos e realizar atividades físicas”, esclarece. 

Quais são os principais fatores de risco?

O câncer de próstata pode ter sua probabilidade de aumento devido alguns fatores de risco que afetam as chances de contrair a doença. 

Alguns fatores como beber ou fumar podem ser controlados, entretanto outros como histórico familiar e idade, não. 

Os principais fatores que podem aumentar as chances da pessoa desenvolver câncer de próstata são:

  • Idade: Esse tipo de câncer é muito raro aparecer em homens com menos de 40 de idade, mas a chance de ter câncer de próstata aumenta rapidamente após os 50 anos, pesquisas apontam que aproximadamente 60% dos cânceres de próstata são diagnosticados em homens com mais de 65 anos.
  • Raça: esse tipo de câncer tem mais chances de aparecer em pessoas de ascendência africana e caribenha do que outras raças. As pessoas negras têm mais chances de desenvolver o câncer de próstata do que as brancas.
  • Histórico familiar: Ter um parente com câncer de próstata ou que já teve a doença aumenta os riscos de desenvolver a doença.
  • Alterações genéticas:  Os homens com síndrome de Lynch (condição causada por alterações genéticas hereditárias), têm um risco aumentado para uma série de cânceres, incluindo o câncer de próstata.
  • Outros possíveis fatores que aumentam as chances de desenvolver o câncer de próstata são: dietas desequilibradas, obesidade, consumo de bebidas alcoólicas, consumo de cigarros (tabagismo), inflamação da próstata, doenças sexualmente transmissíveis (DST’s), e a vasectomia. 

Quais são os principais sinais e sintomas do câncer de próstata?

Logo no início o câncer de próstata pode não apresentar sintomas, e quando apresenta os mais comuns são: 

  • Dificuldade ao urinar;
  • Demora para iniciar e terminar a urina;
  • Presença de sangue na urina;
  • Necessidade de urinar o tempo todo;
  • Em casos mais graves, dor óssea na região das costas;

Esses sintomas também aparecem nas doenças benignas da próstata como a hiperplasia prostática benigna e prostatite.

  • Hiperplasia prostática benigna: acontece quando há o aumento da próstata conforme o passar dos anos, afeta principalmente os homens com 50 anos ou mais e ocorre naturalmente. Seus principais sintomas são vontade de urinar com mais frequência, inclusive pelo horário da noite, dificuldade para urinar e em alguns casos incapacidade de urinar;
  • Prostatite: acontece quando há uma inflamação na próstata geralmente causada por alguma bactéria, vírus, fungos e outros agentes, nesse caso há o crescimento anormal da glândula, causando dor, desconforto e impedimento da passagem de urina. 

Quais são os exames feitos para detectar o câncer de próstata?

Para investigar os sinais de um câncer de próstata e descobrir se a doença está presente ou não, são feitos basicamente dois exames iniciais que são o exames de toque retal e exames de psa. 

“Não existe um exame que seja 100% sensível e específico para dar o diagnóstico do câncer de próstata. Quando é associado o toque ao psa a chance de acertar sobe para 95% e a chance de errar cai para 5%. Então hoje, é preciso ser feito o toque e psa”, pontua o médico. 

No exame de toque retal o médico avalia tamanho, forma e textura da próstata, introduzindo o dedo protegido por uma luva lubrificada no reto. Este exame permite palpar as partes posterior e lateral da próstata, além de diagnosticar o câncer é possível verificar outras diversas doenças. 

Outro exame feito pelo especialista é o de dosagem do PSA que é um exame de sangue que mede a quantidade de uma proteína produzida pela próstata Antígeno Prostático Específico (PSA). Níveis altos dessa proteína podem significar câncer, ou o aparecimento de outras doenças benignas da próstata.

Outro tipo de exame que pode ser feito quando há alteração nos exames de PSA e toque retal é a ressonância multiparamétrica da próstata, um exame moderno que  consegue detectar a área na próstata e realizar a biópsia na área específica. “A ressonância multiparamétrica da próstata está sendo muito utilizada e hoje facilita o diagnóstico do câncer de próstata, não substitui o toque mais está sendo muito utilizada para a detecção da doença”, pontua o especialista Cristiano.

Diagnóstico e tratamento

O câncer de próstata pode ser diagnosticado pelo exame de toque retal e dosagem de PSA. Se você apresenta algum dos sintomas descritos acima ou se alguém da sua família teve câncer de próstata, procure seu médico. 

Ele vai pedir uma amostra de urina para verificar se há infecção e outra de sangue para buscar antígenos específicos da próstata (PSA), além de examinar o órgão.

Para o médico Dr. Cristiano Paiva o exame de toque e PSA são essenciais para averiguar qualquer suspeita ou fazer a prevenção do câncer de próstata. “O toque é uma ferramenta muito importante quando se tem a suspeita de câncer de próstata ou quando o indivíduo que fazer a prevenção do câncer de próstata”, pontua. 

Quando procurar por um urologista?

O ser humano deve ser acompanhado por um médico em todas as fases da vida, isso também deve acontecer quando se tratar da saúde masculina. 

O Dr. Cristiano Paiva fala sobre a importância de procurar por um urologista logo que o homem inicia a adolescência. “Depois que você tem alta do pediatra que é entre os 15 e 18 anos, o ideal é procurar por um urologista. Nessa consulta, o urologista discute outros assuntos como as DSTs, gravidez indesejada, o uso do preservativo, a dosagem dos hormônios, avaliação da genitália, e outras dúvidas”, finaliza o especialista. 

Como encontrar um urologista em Manaus?

Nesse mês de novembro o ipok criou um cupom promocional para marcação de consultas com especialistas na área de urologia. Com o cupom #ipokazul você garante R$ 40 de desconto para a consulta com esse especialista.

Além disso, a plataforma ipok em parceria com o laboratório RB Diagnósticos, médicos e clínicas parceiras,  está realizando neste mês de novembro uma ação para a realização dos exames preventivos, com pacotes de consultas, exames laboratoriais e de imagens com profissionais qualificados e competentes para melhor atendê-lo.  

Use o cupom com os profissionais urologistas cadastrados na plataforma ipok. Não perca tempo e marque logo sua consulta através do cupom #ipokazul ou se preferir aproveite o pacote promocional (consulta + exame laboratorial + exame de imagem). A promoção é válida até o dia 30 deste mês.