Notícias Nutrologo Nutrição Psicologo Psiquiatra

ipok dicas: saiba quais os alimentos que auxiliam no combate a depressão


Considerada o “mal do século 21” a depressão não escolhe condição social, idade ou sexo. Segundo dados oficiais do Ministério da Saúde, entre 2015 a 2018, os atendimentos do SUS ligados à depressão aumentaram em 115% entre jovens de 15 e 29 anos. A Organização Mundial da Saúde, vem alertando desde 2001, sobre a importância de debater abertamente sobre saúde mental (negligenciada há anos). Dados mais recentes da OMS apontam que o Brasil é o país que concentra a maior quantidade de pessoas ansiosas.

Depressão, transtorno de ansiedade e estresse, apesar de não serem problemas novos, se intensificam com a rotina da vida moderna e se tornaram grandes incapacitantes. Situações cotidianas, como trânsito excessivo, trabalho, finanças e falta de tempo podem afetar a saúde psicológica do indivíduo.

Não cuidar da saúde mental pode trazer graves consequências: do estresse à depressão, e até mesmo, em casos extremos, problemas cardíacos e cerebrais, como o acidente vascular cerebral (AVC).

A alimentação é um fator importante e pode auxiliar significativamente o nosso humor. Isso porque a comida é a principal fonte de nutrientes para o corpo, o que significa que: quanto melhor e mais saudável é a nossa dieta alimentar, melhor nosso metabolismo funcionará. 

Você, sem dúvida, já ouviu alguém dizer que sente mau-humor ou fica irritado quando está com fome ou até mesmo você tem este sentimento. A explicação científica para isso é que o cérebro associa a falta de nutrientes ao perigo e à luta pela sobrevivência. Além disso, os neurotransmissores do cérebro, que atuam expressamente nas emoções, necessitam dos nutrientes para serem produzidos. 

Pensando nisso, o ipok, separou alguns grupos de alimentos que ajudam na depressão e podem tornar seus dias mais leves.

Saiba quais são os alimentos que ajudam na depressão:

FRUTAS

Melancia, abacate, mamão, banana, tangerina e limão são todas ricas em triptofano, um tipo de aminoácido que ajuda na produção de serotonina (que auxilia no bom-humor, regularização do sono, funcionamento da memória e atenção). A deficiência desse neurotransmissor pode causar irritabilidade, agressividade, ansiedade, estresse e até mesmo compulsão alimentar.

CASTANHAS, NOZES E AMÊNDOAS

Ricas em selênio, que é antioxidante, elas ajudam no combate à depressão e na redução do estresse. Apesar disso, o ideal é não exagerar nas oleoginosas. De castanha do pará, por exemplo, é indicado duas unidades por dia.

VERDURAS VERDE ESCURAS

As opções mais recomendadas são as que possuem alto conteúdo de folato e betacaroteno, como o espinafre e o brócolis, por exemplo. Combinados com a vitamina C, potássio, esteróis, luteína, zeaxantina, eles são capazes de contribuir para um melhor funcionamento do cérebro.

CHOCOLATE AMARGO 70%

Chocolate que faz bem para a saúde existe, sim! O tipo de teor mais amargo estimula a liberação de serotonina, endorfina, anandamida e teobromina, influenciando diretamente no humor e na disposição.

PEIXES

Alguns tipos como salmão, truta, sardinha, atum, arenque e cabala, possuem gorduras, como o ômega 3, que são ótimas para o corpo, já que ele não consegue produzí-la sozinho.  O resultado de sua ingestão está em uma melhora dos níveis de Colesterol, no funcionamento do metabolismo e do sistema imunológico.

ÁGUA

Não há dúvidas de que a água é essencial para o corpo. O líquido além de ser responsável por eliminar as toxinas do corpo, também transporta os nutrientes. Fora isso, a desidratação pode gerar quadros de confusão mental.

AVEIA E CENTEIO

Ricos em vitaminas do complexo B e vitamina E, os nutrientes ajudam no melhor funcionamento do intestino e contribuem para combater a ansiedade e a depressão. O ideal é consumir cerca de três colheres de sopa cheia por dia.

SOJA

Rica em magnésio, o alimento é essencial para energia das células. sua falta pode resultar em fadigas, por exemplo. além disso, a soja se combinada com o cálcio, funciona como um tranquilizante natural.

Onde buscar tratamento em Manaus:

A população conta agora com o ipok, um aplicativo inovador de Saúde, cujo objetivo é facilitar o dia a dia de usuários que precisam agendar uma consulta médica de forma prática, ágil e segura. Além, de avaliar o atendimento de um profissional de saúde, efetuar buscas por profissionais especializados é possível acompanhar notícias atualizadas da área de saúde. No app você pode agendar consultas com nutricionistas, nutrólogos, psicólogos e psiquiatras em Manaus, entre outras especialidades. 

Atenção: A informação descrita acima, serve apenas como apoio e não, substitui em hipótese alguma, a consulta médica com um profissional especializado. Para um diagnóstico preciso, procure uma avaliação médica de sua preferência ou no serviço público de saúde.


FONTE: Organização Mundial da Saúde, Ministério da Saúde