Notícias Nutrologo

Alimentação e doença de Alzheimer

A doença de Alzheimer é uma doença neurodegenerativa, que se manifesta com o processo de demência progressiva, e já é considerada a sexta causa de morte nos EUA.

O Alzheimer é uma doença que ainda não tem cura, a qual já foi evidenciada e relacionada em diversos estudos científicos com os padrões alimentares.

Um estudo recente realizado em diversos países, demonstrou que a dieta ocidental, com muita contribuição de carne vermelha e carboidratos simples, está ligada a uma maior incidência desse tipo de demência.

Os estudos reportam ainda que, alguns alimentos possuem maior associação com a doença de Alzheimer, alimentos como: carne vermelha, carboidratos refinados (alimentos que contém muito açúcar ou são rapidamente convertidos em açúcar no nosso corpo, como macarrão, pão, doces) e alimentos industrializados.

Em 2012, um estudo publicado que avaliou pessoas com mais de 70 anos, identificou que os participantes que tinham uma dieta muito rica em carboidratos refinados tinham quase quatro vezes mais chance de desenvolver Alzheimer do que os que ingeriam quantidades moderadas de carboidrato.

A melhor maneira de prevenir o Alzheimer na questão alimentar é ter uma dieta balanceada, reduzindo a ingestão de carne vermelha, reduzir frituras e comer de forma variada, com diversidade de porções de frutas e verduras.

Texto desenvolvido por Dr. Gimmy Sales, Nutrição esportiva e Gerenciamento do envelhecimento - caso você deseja agendar uma consulta acesse. https://ipok.app/profissional/gimmysales